Leitura  e arte
Leiturartes
Bom dia! Quarta-feira 27 de Maio de 2020 - 07:06:15  -   Passagem das Pedras, Picos - Piauí

Postado em: 22/10/2015 12:42:12 - Por: Nonato Fontes - Visitas: 851

Primeira noite do festival cultural picoense

O Festival Cultural Picoense se estende entre os dias 21, 22, e 23 de outubro e está sendo realizado no auditório da Associação Comercial e Industrial da Grande Picos

O evento é promovido pela Academia de Letras da Região de Picos em parceria com o Curso de Letras da UESPI

Primeira noite do festival cultural picoense

Teve início nesta quarta feira 21, o Festival Cultural Picoense, evento que envolve o XIV Seminário de Literatura Piauiense e XI Seminário de Literatura Picoense. O evento é promovido pela Academia de Letras da Região de Picos em parceria com o Curso de Letras da UESPI.

 

Na solenidade da primeira noite, após a composição da mesa e a abertura do evento anunciada pelo vice-presidente da entidade, poeta Vilebaldo Rocha, a Banda de Música de Picos sob a regência do Maestro Miguel tocou o Hino do Piauí, logo em seguida foi a vez do Hino da cidade de Picos. No seguimento da noite cultural a professora Marli Veloso, que assumiu o cerimonial, anunciou as atrações do evento, enaltecendo de maneira brilhante a importância de acontecimentos literários como estes: centrado na cultura local e valorização de autores piauienses, lembrou também do que já vem sendo trabalhado pela Fundação Quixote com o Salipi em Teresina, Saliva em Valença, Salipa em Parnaíba e o Salipicos aqui na cidade modelo.

 

O primeiro palestrante já bastante conhecido na região, Kássio Gomes, falou da importância da música em sala de aula. Com a capacidade que tem de chamar a atenção do público fez com que sua palestra alcançasse um desenrolar riquíssimo. O professor Kássio Gomes deixou bem claro a diferença entre ouvir uma boa música e se deixar levar pelo batidão das músicas de mídia. Utilizou como recurso músicas variadas, entre elas as tocadas em demasia em épocas de carnaval e que somem após o evento, e músicas que são ouvidas independentes de épocas e de faixa etária, como Cartola, Zé Ramalho e Amelinha, alguns dos citados pelo palestrante. Chamou a atenção para o que se deve trabalhar com os alunos, sem impor o que tem de ser, mas o que pode ser aproveitado de uma boa música para o crescimento do intelecto de cada um. Falou que o professor não deve se abster de mostrar a diferença daquela enriquecedora e da que serve apenas para balanço, sem acrescentar nada. O Professor Kássio, deixou claro que aquela máxima que "gosto não se discute" é pura ilusão, mas alertou para os cuidados que seja uma discussão sadia e moderada.

 

Para finalizar a primeira noite do evento, marcou presença aqui na cidade de Picos o escritor e neto de Fontes Ibiapina, Eneas Barros. Veio acompanhado do grande amigo Professor Washington Ramos para o lançamento do livro intitulado O Mistério das Bonecas de Porcelana, mais uma obra deste renomado autor, que apesar de pouco tempo na literatura, já conta com um acervo invejável de boas obras, chamando a atenção para outros como os que foram lembrados pelo autor na solenidade: Nonon, O Menino da Lagoa Grande, que é uma biografia romanceada do avô fontes Ibiapina, O Turco e o Cinzelador, Parabélum, 15:50, que conta a história da menina vampiro, caso acontecido na cidade de Floriano Piauí. Aqueles que quiserem adquirir os livros aqui citados poderão encontrar a venda durante os dias do evento no valor de 30,00 cada.

 

O Festival Cultural Picoense se estende entre os dias 21, 22, e 23 de outubro e está sendo realizado no auditório da Associação Comercial e Industrial da Grande Picos que fica localizada na Avenida Nossa Senhora de Fátima, 803 - Primeiro andar - centro - Picos - Piauí. Mais informações sobre o evento pode ser encontrada pelo telefone: (89)98807-6777 e pelo e-mail: vilebaldorocha@hotmail.com.

 

 

    Seja o primeiro a comentar esta matéria!



Ver todas de: eventos