Leitura  e arte
Leiturartes
Boa tarde! Segunda-feira 17 de Junho de 2019  -   Passagem das Pedras, Picos - Piauí

Postado em: 24/08/2015 - Por: Nonato Fontes - Visitas: 24247

A lenda da Rasga Mortalha

Vamos falar a respeito da mais assustadora das lendas do folclore brasileiro: A coruja agoureira Rasga Mortalha

Caso a Rasga Mortalha passasse voando por sobre o telhado da casa e entoar o seu canto era agourando alguém daquela residência.

A lenda da Rasga Mortalha

Em regiões como Nordeste e Norte do Brasil é comum cultuar lendas, crenças e superstições, levando muito a sério várias delas, inclusive tendo seus jeitos de se salvar do mal que essas possam lhes fazer.

 

Vamos falar a respeito da mais apavorante delas: A coruja agoureira Rasga Mortalha

 

A Rasga Mortalha é uma coruja chamada suindara (Tyto Alba), é a única representante da família tytonidae no Brasil. É fácil ser reconhecida pela sua coloração branca nas regiões frontal e ventral, têm seu disco facial em forma de coração. No Brasil ela pode ser encontrada em campos, matas próximas às cidades e até em torres de igreja, onde costumam fazer seus ninhos. Tem seu canto parecido com o som de um pano sendo rasgado, para os supersticiosos: É a mortalha (Pano que serve para colocar envolto a defuntos antes de serem enterrados), que está se rasgando.

 

Para os supersticiosos, caso a coruja passasse voando por sobre o telhado das casas e entoar o seu canto, é alguém daquela residência que está para morrer.

 

Como surgiu a lenda

 

Contam que surgiu da história de uma jovem chamada Suindara, um pouco gorda e de pele bem branca, filha de um feiticeiro da aldeia. Seu ofício era o de carpideira (Mulheres que eram contratadas para chorar em velórios), ficou conhecida no lugar como coruja branca, ao que tudo indica pelo fato de "Alba" do nome científico da coruja suindara, significar "branco".

 

Conta a lenda que suindara começou um namoro com o jovem Ricardo, filho da condessa Ruth, essa não aceitava o namoro do filho com a carpideira. Para que esse namoro não fosse adiante a condessa resolve traçar um plano para matar a moça em um local afastado. Contrata um de seus empregados para executar o serviço, culminando com o assassinato de Suindara. Onde a jovem foi sepultada, esculpiram uma coruja branca para homenageá-la.

 

O pai da moça ao descobrir quem teria mandado matar sua filha resolveu ir até o túmulo dela e fazer um feitiço deixando com que a alma de Suindara penetrasse na coruja ali postada e criasse vida própria, assim a coruja saiu voando e emitindo o seu canto tenebroso como se fosse um pano rasgando-se. Assim a coruja sobrevoou a aldeia durante a noite toda e, quando o dia amanheceu encontraram a condessa morta com a roupa que vestia toda rasgada.

 

Suindara passou a voar pelas noites na aldeia, sempre que alguém estava próximo de morrer ela rasgava o seu canto por sobre a casa do enfermo, deixando assim todos aterrorizados com o pássaro. Daí surgiu a lenda da Coruja Rasga Mortalha.

 

  • icone-msn.png Nome: Clemilto

    Em: 28/05/2019 às 16:09:23

    Se o canto desse lindo animal matasse alguém minha família já tinha se disimado , quase todas as noites ela passa cantando sobre minha casa.

  • icone-msn.png Nome: Nay

    Em: 28/05/2019 às 16:08:57

    Cara essa história e real fiquei até com medo eu arrependi, ela passou rodando 2 vez e uma criança acabou sendo morta e a mh tia também, fiquei muito vendo isso eu pensei que num era nada depois que eu fui pesquisa isso eu me toquei tenho que me arrependé em nome de jesus e elá sumiu não apareceu mais aqui...

  • icone-msn.png Nome: Valdira

    Em: 10/05/2019 às 21:57:29

    Desde de minha infancia ouvi sobre essa passaro tenho muito medo um dia desses ela passou pelo bairro onde moro depois dela passar aconteceram 2 mortes!!.

  • icone-msn.png Nome: Marcos

    Em: 08/04/2019 às 16:09:46

    Desde de criança escuto essa lenda e não sei se e coincidência mas sempre que ela passava no meu vilarejo dentro de poucos dias alguém morria , Aqui eles sempre enterra brasas vivas e queimam vassouras quando ela passa dizem que e para espantar a maldição , também não sei se e coincidência pois ela nunca volta.

  • icone-msn.png Nome: Marcos

    Em: 08/04/2019 às 16:08:23

    Desde de criança escuto essa lenda e não sei se e coincidência mas sempre que ela passava no meu vilarejo dentro de poucos dias alguém morria , Aqui eles sempre enterra brasas vivas e queimam vassouras quando ela passa dizem que e para espantar a maldição , também não sei se e coincidência pois ela nunca volta.

  • icone-msn.png Nome: Andréa Pontes

    Em: 20/03/2019 às 00:34:16

    Desde criança escuto essa história é confesso que não acreditava, porém antes de meu pai morrer uma delas passou sobre o telhado de nossa casa é cantou, ele já estava sem falar é conhecia a história, ao escutar o pássaro ele arregalou os olhos com assombro é depois chorou, alguns dias depois ele morreu. A gente custa a acreditar em certas coisas até que você vê de perto acontecer...

  • icone-msn.png Nome: João

    Em: 20/03/2019 às 00:33:18

    Cresci escutando essa lenda , confesso que tenho medo até hj

  • icone-msn.png Nome: Maria do Amparo

    Em: 13/10/2018 às 10:51:38

    Vejo todos os dias e nunca tive problemas, vão ter medo assim pra lá, hora! É só uma corujinha e muito linda, viu?

  • icone-msn.png Nome: Josué

    Em: 13/10/2018 às 10:49:18

    Realmente é uma lenda que assusta muito, eu mesmo rezo quando ela aparece.

  • icone-msn.png Nome: Javs

    Em: 13/10/2018 às 10:41:15

    Nossa É sim um pouco assustador mas acredito que seja só supertição.

  • icone-msn.png Nome: Fernanda

    Em: 13/10/2018 às 10:41:02

    Essa coruja deve sofrer com essa superstição, devem até matar essa pobre só por medo dela, mas é só folclore, não acreditem nisso não.

  • icone-msn.png Nome: Rsyssa

    Em: 13/10/2018 às 10:40:45

    um dia ela passou por aqui mais graças a Deus ninguém da minha família morreu

  • icone-msn.png Nome: Maíra

    Em: 13/10/2018 às 10:40:40

    De fato ainda existe a coruja e a história é verdadeira!! Em cidades grandes ela está extinta más, no nordeste ela existe e não só rasga o tecido como também corta antes. No telhado que ela para ela corta e depois rasga depois vai embora e sempre a noite geralmente no dia seguinte o enfermo morre! Sabemos que não é ela que trás a morte apenas avisa aos patentes que o enfermo não irá resistir a doença. Tenho 20 anos de idade ela já veio no meu telhado 2 vezes e duas vezes perdi alguém. Por isso a história é verdadeira.

  • icone-msn.png Nome: Layla

    Em: 13/10/2018 às 10:40:36

    Confesso que fiquei com medo, mais eu acho que essa, é, apenas uma lenda mesmo.Mas os mais velhos dizem que essa história é verdade.



Ver todas de: folclore