Leitura  e arte
Leiturartes
Boa tarde! Segunda-feira 17 de Junho de 2019  -   Passagem das Pedras, Picos - Piauí

Postado em: 17/08/2015 - Por: Nonato Fontes - Visitas: 7117

Causos do folclore brasileiro: O Curupira

Causos do folclore brasileiro que fala de aparições do curupira em história de caçador

O Homem viu uma assombração em uma caçada e se tratava do curupira. É mais uma que se ouve falar da aparição do curupira nas matas.

Causos do folclore brasileiro: O Curupira

Conta um amigo caçador que numa certa noite de caçada com seus cachorros, ia saindo em um limpo da chapada quando uma sombra atravessou à sua frente. No primeiro momento imaginou ser algum pássaro que tinha atravessado o claro da lua, pois era uma noite de lua cheia, esta estava majestosa no céu. Mas com poucos minutos seus cachorros pareciam escutar algo que ele mesmo não ouvia, e saíram em disparada pela mata latindo. Peba não é, pensou. Nisso ele esperou um pouco para ver o que acontecia, era um caçador veterano, sabia a hora certa de atacar a caça. Poucos minutos depois notou que seus cachorros ficaram mais nervosos, latiam como se estivessem loucos, pensou um pouco antes de acudi-los. Mas de repente ele voltou a ver a sombra passando, só que dessa vez mais lento. Percebeu que não se tratava de nenhum pássaro, mas, segundo ele, nunca se assustou com nada, resolveu chamar seus cachorros para sair daquele local. Só que quando assoviou chamando,

 

estremeceu ao sentir que a mata toda parecia assoviar também, só que assovios mil vezes mais alto do que o seu. Gritava pelos cachorros e nada, passou a ouvir gritos, grunhidos, assovios e o vento parecia mãos a empurrá-lo. Saiu em disparada pela mata sem saber para que rumo. Depois de longo percurso correndo, notou que tudo silenciava, foi que descobriu ter saído próximo a uma casinha. Chamou alguém e saiu um senhor já meio velho, contou o que tinha acontecido com ele. O senhor sentou, pensou, acendeu um cigarro e disse: Nunca mais encontrará seus cães, ele tentou dizer algo, mas o velho continuou, de todos os cachorros que ELE atacou, jamais um voltou para casa. Disse isso e entrou. Segundo meu amigo caçador, até hoje não soube dizer quem era esse ELE que o velho falou, mas uma coisa sabia, o velho tinha razão, pois nunca mais seus cachorros apareceram.

Quem quiser que conte outra ou que fique sem nenhum.

 

 

Leia sobre o personagem

 

 

    Seja o primeiro a comentar esta matéria!



Ver todas de: folclore